Joker

  “O Joker de Todd Phillips compraz-se na vitimização miserabilista e Joaquin Phoenix, deixado à solta, farta-se de cabotinar na personagem do vilão de Gotham.” Eurico Barros (crítico de cinema) dixit. Eu nunca ouvi falar do Eurico e, muito provavelmente, ele nunca ouviu falar de mim. Pouco importam estes pormenores, mas como não sabia por …

O meu amigo Quentin

Sempre fui fã do Quentin, desde a altura em que recitar versículos da Bíblia – ainda que adaptados para terem mais impacto – era cool. O Pulp Fiction não foi o seu primeiro filme, mas foi o primeiro que eu vi, e desde então nunca mais fui o mesmo. Sempre me fascinou a forma como …